quarta-feira, 3 de maio de 2017

Ex-prefeito Paulo Carvalho segue o exemplo do também ex-prefeito Horácio Brasil e anuncia que deixará o partido que o elegeu por duas vezes...


Pelo Facebook, o ex-prefeito explicou sua decisão de deixar o PDT que o elegeu Prefeito em 1992, quando venceu a dupla de candidatos Lucinda Chimelo/Paulo Gioda por 1.203 votos de diferença. Em 2000, novamente Paulo foi eleito Prefeito dessa vez vencendo a dupla Dr. Zezé/Belmiro com uma diferença de 908 votos.
Desde então o PDT não apresentava candidato a Prefeito, concorrendo de vice do PMDB. Neste ano de 2016, Carvalho disputou a convenção do Partido com o atual Prefeito Paulinho Salbego, mas acabou perdendo no voto entre os membros do Diretório.
Durante as reuniões que antecederam a convenção, Carvalho teria dito que ele era o único que poderia vencer a eleição contra o PP, até porque Paulinho Salbego não tinha expressão e nem dinheiro para enfrentar a campanha. 
Porém, Paulinho Salbego foi o escolhido na disputa e venceu a dupla do PP formada pelo ex-Prefeito Ernani/Isabel Minussi com a maior diferença já conquistada pela coligação: 1.753 votos sobre o segundo colocado.
Diferente das eleições anteriores em que o PDT enfrentou apenas um adversário, nesse ano, Salbego concorria também contra Joir/Andreia do PT e Nilo Santos/Amilton Brum do PROS.
Até o momento, o PDT não se manifestou sobre a decisão.

Um comentário:

Poderá gostar também.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...